American Song Contest confirmado para 2021; primeiros pormenores desvendados
Créditos da imagem: Andres Putting

American Song Contest confirmado para 2021; primeiros pormenores desvendados

15/05/2019 0 Por Bernardo Matias

Ficaram a conhecer-se esta quarta-feira mais detalhes acerca do American Song Contest, o ‘spin-off’ norte-americano do Festival Eurovisão da Canção prevista para arrancar em 2021.  O contrato para tal foi assinado nas últimas semanas, com os direitos a pertencerem à produtora sueca Brain Academy.

Num comunicado da União Europeia de Radiodifusão (EBU), lê-se que foi assinado uma opção exclusiva com a Brain Academy por forma a desenvolver o ESC para o mercado norte-americano, com vista a estar tudo preparado para o primeiro American Song Contest ser emitido em 2021.

O desenvolvimento, gestão e coordenação do projeto fica então a cargo da Brain Academy, cujo diretor-executivo e diretor criativo Peter Settman afirmou: “O ‘timing’ é perfeito. Fora do desporto, o Festival Eurovisão da Canção é o maior espetáculo televisivo no mundo, une um continente e todos votam. Mal podemos esperar por introduzir esta maravilhosa competição no maior mercado televisivo do mundo. As audiências de televisão/vídeo estão a crescer todos os anos, pelo que este é o momento perfeito para levar este espetáculo empolgante ao público americano”.

A Peter Settmann e Anders Lenhoff juntam-se Christer Björkman e Ola Melzig, ambos com larga experiência na produção do ESC. Para já não se conhecem mais detalhes, pelo que não se sabe que países poderão estar a concurso ou se será apenas limitado aos Estados dos Estados Unidos da América. Esta é a segunda tentativa de exportar o ESC para outro continente, tal como o Festival Eurovisão Ásia da Canção que tem a sua primeira edição prevista para novembro e dezembro deste ano.

Partilhar o artigo: