Controvérsia na Roménia: TVR acusada de ir contra as regras do Selecția Națională
Fonte da imagem: facebook.com/eurovision.romania

Controvérsia na Roménia: TVR acusada de ir contra as regras do Selecția Națională

12/01/2019 0 Por Bernardo Matias

Estalou a polémica na Roménia, depois dos recentes desenvolvimentos na seleção dos participantes no Selecția Națională, certame que decide o representante do país no Festival Eurovisão da Canção (ESC). Desde a desistência de Dan Bittman à sua substituição, passando por uma das canções a concurso, a polémica é muita.

Segundo o site capital.ro, as regras do concurso estabelecem que qualquer um dos selecionados têm 24 horas para comunicar a desistência sem serem penalizados financeiramente, sendo a sua substituição pelo primeiro candidato suplente.

No entanto, tal não aconteceu: Dan Bittman anunciou a desistência no início de janeiro e a lista de participantes foi divulgada na penúltima semana de dezembro; já a sua substituição foi definida através da atribuição de dois wildcard por parte da emissora TVR a Bella Santiago e Linda Teodosiu. Perante isto, vários participantes alegam que a TVR não cumpriu os regulamentos, não está a dar direitos iguais a todos os artistas e acusam mesmo a emissora de manipulação para definir o vencedor do Selecția Națională.

A TVR não é a única a estar ‘debaixo de fogo’. É que a imprensa romena refere que a canção da banda Trooper, Destin, terá sido publicada antes de 1 de setembro de 2018, o que a confirmar-se a torna inelegível para o ESC. E no passado já existiram desclassificações por esse motivo, inclusive na Roménia quando Marius Moga perdeu uma vaga em 2008. Para já não existe qualquer posição oficial da TVR sobre estas controvérsias. As semifinais do Selecția Națională são a 20 e 27 de janeiro, enquanto a final realiza-se a 17 de fevereiro.

Partilhar o artigo: