Eurovisão 2021 à Vista: O perfil da Albânia e de Anxhela Peristeri

Eurovisão 2021 à Vista: O perfil da Albânia e de Anxhela Peristeri

06/04/2021 0 Por Bernardo Matias

No próximo mês e meio, até 15 de maio, trazemos-lhe o perfil de cada país e artista participante no Festival Eurovisão da Canção (ESC) 2021, na rubrica Eurovisão 2021 à Vista. A apresentação será por ordem alfabética dos países. Para começar, abordamos a Albânia, que tem pela frente, antes de mais, a segunda semifinal a 20 de maio.

 

Albânia na Eurovisão

A RTSH é a emissora responsável na Albânia. A primeira participação remonta a 2004, ano em que Anjeza Shahini foi escolhida ao vencer o Festivali i Këngës – que desde sempre serviu de método de seleção. Na altura interpretou o tema Imazhi yt, que no ESC foi traduzido para The Image of You, interpretado em Inglês, alcançando o sétimo lugar na final depois do quarto lugar na semifinal.

(Continua após o vídeo)

 

Em 16 participações, a Albânia conseguiu nove presenças na final. Apenas por três vezes conseguiu encadear dois ou mais apuramentos diretos, com um máximo de três finais consecutivas. Uma série que tentará igualar em 2021, depois de ter chegado à gala decisiva em 2018 e 2019.

O melhor resultado foi o quinto lugar de 2012 com Rona Nishliu e o tema Suus, que na final somou 146 pontos. A cantora foi igualmente galardoada com o infame galardão honorário dos fãs Barbara Dex Award pela pior indumentária. Depois de 2013, o máximo que a representação albanesa conseguiu foi o 11.º lugar em 2018 com Eugent Bushpepa e Mall. Acrescentam-se dois 17.º lugares e quatro apuramentos para a final falhados.

Como particularidade, há que referir que a Albânia tentou entrar no ESC pela primeira vez em 2003, mas não conseguiu tendo em contra que outros apresentaram as suas candidaturas primeiro.

A Grécia foi o país que mais pontos recebeu da Albânia entre semifinais e finais, num total de 230. Considerando apenas as finais, a Albânia deu o maior número de pontos ao longo da história a Itália (132). Em sentido contrário, a Macedónia do Norte foi o país que mais pontuou a Albânia, com 253 pontos (117 pontos na final).

(Continua após o vídeo)

 

A representante e a canção: Anxhela Peristeri com Karma

Este ano, Anxhela Peristeri é a representante da Albânia no ESC. Aos 34 anos de idade, revelou-se com a vitória no Kënga Magjike em 2017. Além de cantora, é também compositora e modelo. Concorrente no Festivali i Këngës em 2021 com o tema Karma, conseguindo a vitória e consequente vaga no ESC.

A primeira tentativa de Anxhela Peristeri no Festivali i Këngës em 2001, mesmo antes de a Albânia estar no ESC. Também nesse ano, entrou no desfile da Miss Albania. O seu primeiro álbum, Anxhela për ju, data de 2004, enquanto que o single de estreia foi Vetëm ty të kam, em 2001, também a sua proposta para o Festivali i Këngës desse ano. Depois de uma longa pausa a partir de 2005, Anxhela Peristeri só voltou aos lançamentos de singles em 2014.

(Continua após o vídeo)

 

A canção da Albânia e de Anxhela Peristeri é Karma. Com letra de Olti Curri e Kledi Bahiti, trata-se de uma balada dramática em idioma Albanês, que aborda essencialmente uma mulher a passar por uma crise na vida. Junta elementos folclóricos, com alguns toques de rock, não deixando de ser um tema pop.

De então até agora só por mais duas vezes chegou à final: em 2015 com Elhaida Dani e a canção I’m Alive (17.ª); e no ano passado com Mall interpretada por Eugent Bushpepa (11.º). De referir que o país deu, ao longo da história, mais pontos à Grécia (224 entre semifinais e final), recebendo o maior número de pontos da Macedónia do Norte (209).

 

Perfil do país (Albânia)

Emissora responsável: RTSH
Chefe de delegação: Kleart Duraj
Estreia: 2004; Anjeza Shahini – The Image of You (resultado: sétimo lugar)
Participações anteriores: 16
Melhor resultado: Quinto lugar (Rona Nishliu – Suus, 2012)
Pior resultado: 17.º lugar na semifinal (Frederik Ndoci – Hear My Plea, 2007)
Concurso de seleção nacional: Festivali i Këngës
Representante em 2021: Anxhela Perister – Karma
Semifinal em 2021: 11.ª a atuar na segunda semifinal (20 de maio)

 

Perfil da representante (Anxhela Peristeri)

Nome: Anxhela Peristeri
Idade: 34 anos (nascida a 24 de março de 1986)
Nacionalidade: Albanesa
Início de carreira: 2001
Álbuns de estúdio: 1 (Anxhela për ju, de 2004)
Géneros: Pop
Outras notas: Vencedora do Kënga Magjike em 2019

 

Perfil da canção (Karma)

Título: Karma
Género: Pop
Idioma: Albanês
Intérprete: Anxhela Peristeri
Letra: Olti Curri
Composição: Kledi Bahiti
Produção: Dimitris Kontopoulos, Kledi Bahiti

Partilhar o artigo: