Fundação propôs que VAL, Naviband e Margarita Levchuk atuassem no ESC 2021
Créditos da imagem: EBU/Thomas Hanses

Fundação propôs que VAL, Naviband e Margarita Levchuk atuassem no ESC 2021

08/04/2021 0 Por Bernardo Matias

A Fundação da Solidariedade Cultural Bielorrussa (BCSF) propôs à União Europeia de Radiodifusão (EBU) para ter alguns bielorrussos a atuarem como convidados no Festival Eurovisão da Canção (ESC) 2021… o que foi recusado.

A proposta lançada, de acordo com o site eurovoix.com citando o diretor da fundação, Sergey Budkin, passava por atuarem no ESC 2021 como ‘interval acts’ os VAL (que representariam a Bielorrússia em 2020) e a Naviband (representantes bielorrussos em 2017) em conjunto com a cantora de ópera Margarita Levchuk.

Porém, a EBU recusou a proposta. A entidade máxima responsável pelo certame esclareceu que a agenda de todos os espetáculos (semifinais e final) está já preenchida, o que inclui os ‘interval acts’. A expectativa é a de que a Bielorrússia volte ao ESC no próximo ano.

Partilhar o artigo: