Islândia ganhou o Alla leið 2021; França mais votada do último episódio
Créditos da imagem: EBU/Thomas Hanses

Islândia ganhou o Alla leið 2021; França mais votada do último episódio

18/05/2021 0 Por Bernardo Matias

Chegou ao fim no sábado o Alla leið, programa de antevisão do Festival Eurovisão da Canção (ESC) 2021 da emissora pública da Islândia, a RÚV.

No último episódio, o júri preferiu a canção de França e de Barbara Pravi, Voilà, com 44 pontos. Foi insuficiente para mais do que partilhar o segundo lugar final do programa com a Suíça (Gjon’s Tears/Tout l’Univers).

A vitória ficou em casa, com Daði og Gagnamagnið e o tema 10 Years, da Islândia, a somarem 48 pontos – o máximo possível. Portugal ficou na  14.ª posição, com Love is on My Side dos The Black Mamba.

(Resultados do episódio e classificação final após os vídeos)

 

Resultados do último episódio

1.º França: Barbara Pravi – Voilà (44 pontos)
2.º Itália: Måneskin – Zitti e Buoni (39 pontos)
3.º Reino Unido: James Newman – Embers (24 pontos)
4.º Países Baixos: Jeangu Macrooy – Birth of a New Age (23 pontos)
5.º Espanha: Blas Cantó – Voy a quedarme (22 pontos)
6.º Alemanha: Jendrik – I Don’t Feel Hate (7 pontos)

 

Classificação final

1.º Islândia: Daði og Gagnamagnið – 10 Years (48 pontos)
2.º Suíça: Gjon’s Tears – Tout l’Univers (44 pontos)
3.º França: Barbara Pravi – Voilà (44 pontos)
4.º Malta: Destiny – Je Me Casse (40 pontos)
5.º Roménia: Roxen – Amnesia (40 pontos)
6.º Itália: Måneskin – Zitti e Buoni (39 pontos)
7.º Letónia: Samanta Tīna – The Moon is Rising (38 pontos)
8.º Rússia: Manizha – Russian Woman (38 pontos)
9.º Albânia: Anxhela Peristeri – Karma (37 pontos)
10.º Áustria: Vincent Bueno – Amen (35 pontos)
11.º Lituânia: The Roop – Discoteque (35 pontos)
12.º Suécia: Tusse – Voices (33 pontos)
13.º Noruega: TIX – Fallen Angel (32 pontos)
14.º Portugal: The Black Mamba – Love is on My Side (32 pontos)
15.º Israel: Eden Alene – Set Me Free (32 pontos)
16.º Ucrânia: Go_A – Shum (32 pontos)
17.º Grécia: Stefania – Last Dance (31 pontos)
18.º Moldávia: Natalia Gordienko – Sugar (28 pontos)
19.º Bulgária: VICTORIA – Growing up is Getting Old (28 pontos)
20.º Finlândia: Blind Channel – Dark Side (27 pontos)
21.º São Marino: Senhit – Adrenalina (27 pontos)
22.º Azerbaijão: Efendi – Mata Hari (26 pontos)
23.º Dinamarca: Fyr og Flamme – Øve os på hinanden‎ (25 pontos)
24.º Croácia: Albina – Tick-Tock (25 pontos)
25.º Reino Unido: James Newman – Embers (24 pontos)
26.º República Checa: Benny Cristo – Omaga (23 pontos)
27.º Países Baixos: Jeangu Macrooy – Birth of a New Age (23 pontos)
28.º Espanha: Blas Cantó – Voy a quedarme (22 pontos)
29.º Irlanda: Lesley Roy – Maps (22 pontos)
30.º Sérvia: Hurricane – Loco Loco (21 pontos)
31.º Chipre: Elena Tsagrinou – El Diablo (19 pontos)
32.º Polónia: RAFAŁ – The Ride (18 pontos)
33.º Estónia: Uku Suviste – The Lucky One (16 pontos)
34.º Bélgica: Hooverphonic – The Wrong Place (15 pontos)
35.º Eslovénia: Ana Soklič – Amen (13 pontos)
36.º Geórgia: Tornike Kipiani – You (7 pontos)
37.º Alemanha: Jendrik – I Don’t Feel Hate (7 pontos)
38.º Macedónia do Norte: Vasil – Here I Stand (7 pontos)
39.º Austrália: Montaigne – Technicolour (7 pontos)

Partilhar o artigo: