Jon Ola Sand deixa de ser supervisor executivo do ESC após a edição de 2020
Créditos da imagem: Eurovision.tv

Jon Ola Sand deixa de ser supervisor executivo do ESC após a edição de 2020

30/09/2019 0 Por Bernardo Matias

Jon Ola Sand está de saída do cargo de supervisor executivo do Festival Eurovisão da Canção (ESC). A edição de 2020 será a última para o norueguês, que também deixará de ser diretor de Live Events, supervisionando o Festival Eurovisão da Canção Júnior (JESC), Eurovisão Jovens Músicos e Coro da Eurovisão. Agora, assumirá funções na emissora do seu país, a NRK.

Atualmente com 57 anos de idade, Jon Ola Sand é supervisor executivo do ESC desde a edição de 2011, quando sucedeu a Svante Stockselius. Desde 2016 tem funções semelhantes no JESC, ocupando um cargo que era de Vladislav Yakovlev. Agora, a União Europeia de Radiodifusão (EBU) promete “conduzir uma pesquisa seletiva” para definir o sucessor de Jon Ola Sand.

Em comunicado, Jon Ola Sand afirmou: “A última década na União Europeia de Radiodifusão (EBU) foi fantástica e empolgante, mas também será bom ir para casa. Estive envolvido com o Festival Eurovisão da Canção durante mais de 20 anos. Primeiro como chefe de delegação da Noruega, depois como produtor executivo em Oslo em 2010 e tive o privilégio de capitanear o navio em Genebra nos últimos nove anos”.

A edição de 2020 será a última do responsável, que referiu que agora irá abraçar um desafio na NRK: “Roterdão será o meu décimo Festival como supervisor executivo e parece um bom momento para passar o testemunho e enfrentar um novo desafio na NRK. No meu novo cargo trabalharei para garantir que a NRK continua a ser uma emissora de classe mundial e estará na melhor forma possível para o futuro”.

Partilhar o artigo: