Onde poderia ser a Eurovisão 2020 na Holanda? Cidades interessadas não faltam
Créditos da imagem: Andres Putting

Onde poderia ser a Eurovisão 2020 na Holanda? Cidades interessadas não faltam

19/05/2019 0 Por Bernardo Matias

A Holanda ganhou este sábado o Festival Eurovisão da Canção (ESC) e os responsáveis da delegação receberam na conferência de imprensa após a final de ontem os primeiros documentos, num ato que marcou o convite oficial para organizar a edição de 2020. Ainda é muito cedo para se saber aonde é que vai ser o evento, mas há cidades holandesas que já expressaram o seu forte interesse.

A hipótese mais falada entre fãs é Amesterdão, local da Ziggo Dome, uma das maiores arenas cobertas da Europa com capacidade para 17 mil pessoas e moderna (inaugurada em 2012). Segundo o site rtlnieuws.nl, em abril passado no Eurovision in Concert a presidente de Câmara de Amesterdão, Femke Halsema, deu conta do seu interesse no ESC: “Entendo que a nossa participação tem uma boa hipótese. […] Espero que vos vejamos a todos novamente em Amesterdão no ano que vem para o Festival Eurovisão da Canção”.

Das últimas vezes que o ESC foi na Holanda, em 1976 e 1980, Haia foi a cidade anfitriã. A emissora local Omroep West adiantou há cerca de um mês que o partido político Group de Mos – Heart for The Hague, que tem o maior número de assentos na assembleia municipal de Haia, acredita na capacidade de Haia para receber o ESC. O conselheiro Ralf Sluijs sustentou na altura que “Haia poderia tornar-se a cidade anfitriã do Festival Eurovisão da Canção 2020”. É a terceira maior cidade do país, mas o maior espaço em Haia, o estádio ADO com 15.000 lugares, necessitaria de cobertura e não parece haver um recinto coberto apto para a Eurovisão. Uma alternativa poderia ser a pista de patinagem de De Uithof, mas aí o problema da lotação poderia colocar-se.

Também em Maastricht já houve interesse expressado, por parte de Frank Mimpen, do Maastricht Exposition and Congress Centre (MECC). Há algumas semanas revelou ao RTL Nieuws que já aconteceram discussões preliminares com o município de Maastricht e com a província quanto ao interesse em acolher o ESC 2020, com resposta positiva. O MECC aparenta ter infraestrutura e localização com características aptas a acolher ao certame.

Há vários outros locais na Holanda que poderiam ser opção, como Roterdão que inclui o Ahoy Rotterdam com mais de 14.000 lugares ou Heerenveen em que a pista de gelo coberta Thialf possui 12.500 lugares. O Velódromo de Apeldoorn seria também eventualmente passível de adaptar para o ESC. Em suma, opções não faltam para a Holanda, que nos próximos meses terá tempo para decidir de forma ponderada, em conjunto com a EBU, qual será a melhor localização.

Partilhar o artigo: