Entrevistas e Exclusivos Festival Eurovisão da Canção ESC 2019 Multimédia

Road to Eurovision’19: O perfil da República da Irlanda e de Sarah McTernan

Road to Eurovision’19: O perfil da República da Irlanda e de Sarah McTernan Créditos da imagem: George Hodan
Partilhar o artigo:

O próximo país no Road to Eurovision’19 é a República da Irlanda. Recordista de vitórias no Festival Eurovisão da Canção (ESC), mantém-se ‘de pedra e cal’ no certame desde que se estreou em 1965, não tendo competido apenas em 1983 e 2002. Este ano é representada por Sara McTernan com o tema 22.

A primeira participação irlandesa foi em 1965, ano em que Butch Moore foi sexto com o tema Walking the Streets in the Rain. Os primeiros anos mostraram desde logo a pretensão da República da Irlanda em ser competitiva: no terceiro ano foi segunda classificada e à sexta tentativa ganhou pela primeira vez. Foi em 1970 em Amesterdão com Dana a interpretar All Kinds of Everything.

Nos anos subsequentes os resultados esmoreceram um pouco, mas o terceiro lugar de 1977 deu início a uma senda positiva e, em 1980, Johnny Logan venceu pela primeira vez cantando What’s Another Year. O mesmo artista voltou em 1987 e ofereceu a terceira vitória às cores irlandesas, desta vez com Hold Me Now. Os anos 1990 ficaram marcados pela República da Irlanda: dois segundos lugares (1990 e 1997) e quatro vitórias (1992-1994 e 1996) catapultaram a República da Irlanda para a posição de mais bem-sucedido país no ESC com sete títulos.

Eimear Quinn, com The Voice, foi a última irlandesa a vencer e, desde o segundo lugar de Marc Roberts em 1997 com Mysterious Woman, os resultados começaram a descer gradualmente com apenas mais três classificações no top dez e nunca acima de sexto. Entre 2014 e 2017 a República da Irlanda passou pela sua pior série com quatro finais falhadas, antes de no ano passado Ryan O’Shaughnessy voltar ao espetáculo decisivo com Togheter (foi 16.º).

A emissora RTÉ é a responsável pela participação da República da Irlanda, que ao longo dos anos deu mais pontos ao Reino Unido (249 entre semifinais e finais) e também recebeu mais do mesmo país num total de 322 pontos. Como curiosidade, Johnny Logan e o tema Hold Me Now ficou em terceiro lugar no evento comemorativo do 50.º aniversário da Eurovisão, Congratulations: 50 Years of the Eurovision Song Contest.

Em Tel Aviv, Sarah McTernan é a responsável por defender a República da Irlanda. A cantora de 25 anos ‘saltou para a ribalta’ com o terceiro lugar no The Voice of Ireland em 2015, mas tem formação académica na área da música. Depois dessa vitória formou a banda The Jeds para atuar em casamentos e gigs em Clare e Munster. No ano passado tentou representar São Marino enviando o seu primeiro single Eye of the Storm, originalmente destinado a participar pela República da Irlanda em 2017. Este ano, a sua canção 22 foi a favorita dos responsáveis pela seleção interna irlandesa entre 430 candidatas, tratando-se de um tema pop que por alguns é descrito mesmo como Bubblegum pop. Porém, remete igualmente

República da Irlanda:

  • Estreia: 1965 – Butch Moore, Walking the Streets in the Rain (Sexto lugar)
  • Participações anteriores: 53
  • Melhor resultado: Vitórias por sete vezes (recorde)
    • 1970: Dana, All Kinds of Everything
    • 1980: Johnny Logan, What’s Another Year?
    • 1987: Johnny Logan, Hold Me Now
    • 1992: Linda Martin, Why Me?
    • 1993: Niam Kavanagh, In Your Eyes
    • 1994: Paul Harrngton & Charlie McGettigan, Rock ‘n’ Roll Kids
    • 1996: Eimear Quinn, The Voice
  • Pior resultado: 15.º lugar na semifinal duas vezes (2008: Dustin in the Turkey, Irelande Douze Pointe; 2016: Nicky Byrne, Sunlight)
  • Concurso de seleção nacional: Seleção interna (sem concurso)
  • Emissora responsável: RTÉ
  • Representante em 2019: Sarah McTernan, 22

Sarah McTernan:

  • Idade: 25 anos (nascida a 1 de março de 1994)
  • Nome civil: Sarah McTernan
  • Nacionalidade: Irlandesa
  • Início de carreira: 2015
  • Singles: 2 (Primeiro: Eye of the Storm, 2017)
  • Géneros: Pop

22:

  • Género. Pop
  • Idioma: Inglês
  • Intérprete: Sarah McTernan
  • Letra: Janieck van de Polder, Marcia Sondeijker, Roel Rats
  • Composição: Janieck van de Polder, Marcia Sondeijker, Roel Rats

Sobre o autor

Bernardo Matias

Deixe um comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.