‘Tout l’univers’ foi a canção favorita da INFE Irlanda na INFE Poll do ESC 2021
Créditos da imagem: SRF/Oscar Alessio

‘Tout l’univers’ foi a canção favorita da INFE Irlanda na INFE Poll do ESC 2021

20/04/2021 0 Por Bernardo Matias

Foi anunciada a votação da INFE Irlanda no âmbito da INFE Poll relativa ao Festival Eurovisão da Canção (ESC) 2021. A mais votada foi a Suíça, com o tema Tout l’Univers de Gjon’s Tears.

Os fãs irlandeses preferiram aquela que é vista como uma das grandes candidatas a ganhar o certame, atribuindo os 12 pontos. O tema da Estónia e de Uku SuvisteThe Lucky One, ficou em segundo, sendo o pódio da votação completo pela Grécia com Last Dance, de Stefania.

A Suíça destaca-se assim na classificação geral, tendo dez pontos de avanço sobre a Grécia. O tema Love is on My Side, que os The Black Mamba cantam por Portugal, continua sem pontuar.

(Votações e classificação geral depois do vídeo/áudio)

 

Votação da INFE Irlanda

1.º Suíça: Gjon’s Tears – Tout l’Univers (12 pontos)
2.º Estónia: Uku Suviste – The Lucky One (10 pontos)
3.º Grécia: Stefania – Last Dance (8 pontos)
4.º Dinamarca: Fyr og Flamme – Øve os på hinanden‎ (7 pontos)
5.º Polónia: RAFAŁ – The Ride (6 pontos)
6.º França: Barbara Pravi – Voilà (5 pontos)
7.º Lituânia: The Roop – Discoteque (4 pontos)
8.º Chipre: Elena Tsagrinou – El Diablo (3 pontos)
9.º Noruega: TIX – Fallen Angel (2 pontos)
10.º Espanha: Blas Cantó – Voy a quedarme (1 ponto)

 

Classificação geral depois de três votações

1.º Suíça: Gjon’s Tears – Tout l’Univers (30 pontos)
2.º Grécia: Stefania – Last Dance (20 pontos)
3.º Lituânia: The Roop – Discoteque (16 pontos)
4.º França: Barbara Pravi – Voilà (14 pontos)
5.º Roménia: Roxen – Amnesia (12 pontos)
6.º Chipre: Elena Tsagrinou – El Diablo (11 pontos)
7.º Estónia: Uku Suviste – The Lucky One (10 pontos)
7.º Ucrânia: Go_A – Shum (10 pontos)
9.º São Marino: Senhit – Adrenalina (7 pontos)
9.º Azerbaijão: Efendi – Mata Hari (7 pontos)
9.º Dinamarca: Fyr og Flamme – Øve os på hinanden‎ (7 pontos)
12.º Eslovénia: Ana Soklič – Amen (6 pontos)
12.º Polónia: RAFAŁ – The Ride (6 pontos)
14.º Moldávia: Natalia Gordienko – Sugar (5 pontos)
15.º Malta: Destiny – Je Me Casse (4 pontos)
16.º Suécia: Tusse – Voices (3 pontos)
17.º Austrália: Montaigne – Technicolour (2 pontos)
17.º Noruega: TIX – Fallen Angel (2 pontos)
19.º Espanha: Blas Cantó – Voy a quedarme (1 ponto)
19.º Itália: Måneskin – Zitti e buoni (1 ponto)

Partilhar o artigo: